Conheça 6 tendências no setor de alimentação

Já pensou em utilizar drones no serviço de delivery do seu restaurante? Já ouviu falar no UberEats e sabe como ele funciona? Se você balançou a cabeça de um lado para o outro, então, não perca o assunto deste artigo, que vai tratar das principais tendências no setor de alimentação. Continue a leitura e confira!

1. Parceria entre produtores e donos de restaurantes

“Do campo à mesa”. Certamente você já se deparou com essa expressão por aí. Trata-se de um conceito que vem com tudo, isso porque a mudança de hábito tem feito o consumidor preferir alimentos mais saudáveis.

O interessante nesse novo formato é a união entre os donos de restaurantes e produtores, que se empenham em trabalhar por uma demanda sem desperdícios e de forma sustentável.

2. Cardápios para diferentes perfis de consumidor

Até pouco tempo era inimaginável pensar em restaurantes voltados para dieta restritiva. O normal era a gente pedir para tirar uma coisa aqui e outra ali do prato. Só que agora há opções de cardápios totalmente adaptadas para esse novo público, que surge cada vez mais exigente.

Quem necessita de uma alimentação mais focada, seja pela intolerância ao glúten, à lactose ou porque é vegetariano ou vegano, por exemplo, não precisa se preocupar mais ou levar a marmita de casa, pois estão surgindo alternativas para suprir essa carência no mercado.

3. Consumo de snacks em alta

A busca por alimentos intermediários cresce a cada dia. Os dados da pesquisa “Consumo Dentro e Fora do Lar”, realiza pela Nielsen, apontou um crescimento de 46% só na região metropolitana de São Paulo. Muita gente acaba substituindo uma das refeições por snacks, por conta da praticidade de uma alimentação rápida.

Tudo parece mais prático por se tratar de alimentos acomodados em pacotes, de diferentes sabores. No entanto, nem sempre isso significa comida saudável. De olho nesse mercado, alguns empreendedores competem oferecendo algo natural, saboroso e, também, prático.

4. Tecnologia para otimizar os processos

Alguns restaurantes, para ganhar agilidade e melhorar a produção, estão adotando recursos mais avançados como fornos e chapas que ajudam a reduzir a quantidade de gordura produzida. Os equipamentos para a cozinha também se enquadram nessa linha de tendências no setor de alimentação.

5. Pedidos via aplicativos

A empresa americana Visual Networking Index – Global Mobile Data Traffic Forecast destacou em um estudo recente que até 2020, 70% da população fará uso de dispositivos móveis, o que representa mais de 5 bilhões de pessoas.

Partindo desse ponto, vale dizer que os panfletos de lanchonetes e restaurantes colados na porta da geladeira perderão a utilidade de uma vez por todas diante de aplicativos como iFood, UberEats, Spoonrocket e outros que surgirão.

No UberEats, por exemplo, não é só o cliente que se beneficia com o serviço, pois o empreendedor amplia a sua capacidade de público e quem está em busca de renda extra também ganha. Isso porque as entregas podem ser feitas por pedestres, ciclistas ou motoboys. Basta preencher o formulário no site oficial.

6. Novo tipo de delivery

Quem falou que tecnologia não tem nada a ver com cozinha certamente se enganou, pois ela não só tem impactado no comportamento do consumidor como tem aberto novos caminhos para os empreendedores de plantão.

Se você não faz ideia, o drone, antes usado para desempenhar funções militares, vem sendo testado em alguns restaurantes e redes de fast food com a finalidade de agilizar o serviço de entrega.

Nos EUA, a 7-Eleven embarcou nessa empreitada e realizou algumas entregas por meio do equipamento. As redes Chipotle Mexican Grill e Domino’s também estão investindo nesse tipo de tecnologia. No Brasil, a pizzaria Vero Verde tomou a iniciativa.

No entanto, há alguns impasses de legislação. Dessa forma, por aqui e também no exterior isso ainda é pauta de discussão. Mas fique de olho!

Acompanhar as tendências no setor de alimentação é um jeito estratégico de ficar por dentro do mercado. Essas ideias podem te ajudar na criação ou na reformulação de seu negócio gastronômico.

Agora que você sabe das novidades, que tal compartilhar o post com os amigos nas redes sociais?

Guia-experiencia-cliente-blog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This